Leão azul vence mais um clássico e fica mais próximo do título

0
95
parazão

O terceiro clássico “Re X Pa” deste ano, em partida (de ida) valendo pela decisão do Parazão 2018, no estádio Olímpico do Pará (Mangueirão), foi emocionante. Para um menor público o que não faltou foi emoção.

O Paysandu começou atacando no início do jogo, o que proporcionou boas defesas do goleiro Vinícius, como um perigoso chute de Walter. Foi uma partida muito “pegada”, com muitas faltas. Aos 27 minutos do 1° tempo, o juiz marcou pênalti para o Clube do Remo. Foi início de muita polêmica. Aos 29 minutos, Isac cobrou com maestria e inaugurou o placar. A vantagem do Clube do Remo fez com que o arqui rival saísse mais para o jogo aberto. Aos 41 minutos, a marcação de outro pênalti voltou a gerar polêmica, mas desta vez a favor do Paysandu. Cassiano cobrou, empatando a partida aos 43 minutos. Assim terminou o primeiro tempo.

O segundo tempo começou sem mudanças nas duas equipes. O clássico ficou ainda mais disputado, com o gramado prejudicado pela forte chuva se tornando pesado, o que propiciou várias jogadas ríspidas. Os cartões amarelos se multiplicaram. O Paysandu partiu quase todo para o ataque. O Clube do Remo, por sua vez, se plantou na defesa, explorando com perigo os contra ataques.

O gol da vitória acabou saindo do banco de reservas, aos 27 minutos da segunda etapa. A entrada de Rodriguinho, no lugar de Adenilson, reforçou as investidas do Leão azul. Aos 33 minutos, aproveitando um lance na frente da grande área do adversário, ele fez um gol de classe. Com um chute de fora da área e sem chance de defesa do goleiro (quase na gaveta) Rodriguinho deixou o Remo mais à vontade: 2 a 1 no Paysandu, aumentando o desespero do rival, que na tentativa do empate se expôs, correndo risco de tomar um terceiro gol.

Assim, o Clube do Remo deu um grande passo para o título do Campeonato Paraense 2018.

Imagens: Tv Cultura

Deixe um comentário